TAG

1. Você se considera uma pessoa do dia ou da noite?
Com certeza da noite

2. Você coleciona alguma coisa?
 Canecas e copos

3. Qual era o seu programa preferido quando criança?
Brincar de Barbie

4. Sobre o que você pensa antes de dormir?
Em tudo! Na maior parte das vezes coisas sem necessidade

5. Qual a sua cor favorita?
Preto

6. Você é viciada em algum vídeo, game ou jogo de computador?
Não.

7. Você tem algum hábito ruim?
Falo muitas gírias.

8. Você tem irmão ou irmã?
Irmã

9. Você tem alguma tattoo ou piercing?
Tenho 6 piercings

10. Qual a sua flor favorita?
Rosa

11. Quando pequena, o que você queria ser quando crescesse?
Médica veterinária

12. O que você guarda embaixo da cama?
Nada

13. Você se considera organizada ou bagunceira?
Organizada

14. Se você pudesse viver em qualquer lugar do mundo onde seria?
Nos Estados Unidos

15. Qual o seu filme favorito?
Ps: Eu te Amo

16. Qual o ator ou atriz que dizem que você se parece?
-

17. Diga uma coisa que as pessoas não sabem sobre você.
 Furei minha orelha pela primeira vez aos 18 anos.

18. Qual a última mensagem do seu celular?
Mensagem da operadora hahah

As Diferenças entre o 1° e o 21° encontro.

Geralmente no primeiro encontro todo mundo quer parecer normal, atraente, simpático e a melhor pessoa do mundo, pelo menos naquele momento, para a outra pessoa. Mas e depois? hahahah

Essas tirinhas mostram o antes e depois do 1° encontro.



 


  E aí se identificou? Quem nunca né? ahhahaahah


Comprinhas

Dia desses estava andando no centro com o namorado e vi um copo perto da porta de uma loja, entramos para conferir o preço e acabei levando quase a loja toda.. A loja estava com bota fora e quase tudo estava na promoção.Comprei o que precisava e o que não precisava hahah.

O melhor de tudo foram os preços! Produtos da Uatt! por preços absurdos de tão baratos... (Na verdade, os produtos estavam com os preços REAIS), confiram...

Começando, comprei esses dois copos de acrílico por apenas R$9,99 cada um!



Comprei também essa moringa do Pequeno Príncipe. Confesso que mesmo gostando dele, o que me convenceu a levá-la foi o valor. Apenas R$15,99!!! Ela tem capacidade de quase 1 litro.


O namorado sabe que eu adoro canecas, viu uma e adorou. No caso a caneca fala dele hahah. Ele pagou R$7,99.



Por último, compramos essa bandeja. Também confesso que foi mais pelo valor do que por ela mesma, pois não sabíamos se iríamos usar, mas né. Pagamos R$19,99. (Acho que acertamos, pois ela está na caixa até agora) hahaa ツ

Esses espaços podem ser preenchidos com copos ou com petisqueiras. A parte de trás tem um zíper e dentro é preenchida com isopor (aqueles de bolinha), bem fofinho.

Quando cheguei em casa, dei uma pesquisada na internet para conferir os valores dos produtos que comprei e achei alguns:

Na Americanas encontrei a MESMA bandeja que compramos, por absurdos R$109,99!!!!



Encontrei a moringa no mercado livre por R$79,90!!!


E por último, no site da Uatt! encontrei a caneca Toda Esposa Tem por R$24,90.



Sobre os produtos: eu entendo que a qualidade de alguns produtos vale a pena no final da compra, mas nem sempre. Nesse caso, a bandeja ser vendida por mais que R$100,00 é o cúmulo, além de cada copo de acrílico da primeira foto geralmente ser vendido por R$ 49,90, etc... É por isso que eu digo: SEMPRE PESQUISE MUITO os preços de tudo que for comprar, principalmente na internet. Nesse caso a internet está vendendo BEM mais caro do que a loja que comprei, mas quase sempre encontro valores bem mais baixos na rede.


Bom é isso, espero que gostem da dica.

Decorando com Shapes de Skate

Eu, particularmente, sempre achei skate um esporte incrível, quando era novinha sempre acordava de manhã para assistir os campeonatos que rolavam na tv e ficava torcendo pro Mineirinho (Sandro Dias) e pra Karen Jonz. Sem contar que o estilo skatista em si sempre me agradou também, ainda mais em garotas skatistas. Coloquei na cabeça que eu aprenderia a andar, com uns 13 anos meu pai me deu um skate e um dia fui inventar de andar na área da minha casa que é de PISO, escorreguei e quase quebrei o braço, fim. Hhahaha. Nunca mais tentei andar por medo.

Enfim, shapes são versáteis e podem ser usados em diversos ambientes como decoração ou como móveis. Achei uma ideia mais incrível do que a outra e já quero prateleiras e mesas de shape na minha casa pra decorar. *-*



 






 
 

Existem inúmeras formas de usufruir de peças de skate como o shape, truck, etc. 
No site Green Store vocês encontram alguns produtos como luminárias, quadros entre outros produtos feitos com shape. Também achei o Skate Curiosidade um site legal sobre skates e afins.

Espero que tenham gostado. ;)

A minha depressão não é frescura!

 


“Levante aí da cama, dê um jeito”. “Seja forte”. “Não dá pra viver desse jeito, acorda pra vida”.

Eu sei disso.

Eu sei que preciso levantar cedo, sentir o amargo do café na boca, arrumar a cama e tomar um banho. Mas se você realmente soubesse como eu me sinto, saberia que essas tarefas se tornam trinta vezes mais difíceis de se realizar quando as sombras invadem a minha história. Eu já não consigo sair de casa como ultimamente e tenho ouvido bastante que não é pra tanto, já que tenho a faca e o queijo na mão. Eu bem queria ser feliz com pouca coisa, rir por bobagens, falar por horas sobre as coisas mais mirabolantes do mundo… mas eu simplesmente não consigo. Não consigo sorrir nem pra foto nem pra quem está comigo. Não consigo sair da cama sem sentir que estou levando um elefante comigo. Eu queria, na verdade, ficar 24h por dia na minha cama, já levanto pensando na hora de voltar pra lá.

Se soubessem que eu sei a essência de cada uma das frases que usam pra me colocar pra cima… eu sei que preciso ser forte, eu sei que preciso levantar, eu sei que preciso tomar banho. Eu sei. Eu só não consigo realizar essas tarefas como se fossem simples, porque pra mim não são. Eu gasto toda a minha energia fazendo o básico, eu não consigo me sentir bem por ter esse tipo de dificuldade. Dói ver a vida passando, as pessoas evoluindo e eu aqui sem conseguir criar coragem para fazer o básico do básico.

Quando me pedem pra ser mais forte, eu tenho vontade de dizer que se eu assim fosse, não estaria nessa. Em alguns momentos fica impossível ser forte. Em alguns momentos as pessoas precisam desabar até mesmo pra crescer (e é uma pena que algumas pessoas precisem disso).
Quando me pedem pra fazer mais uma forcinha, eu tenho vontade de chorar alto, gritar por socorro e esperar que alguma ajuda caia do céu, porque é minha única esperança.

Quando me pedem para acordar pra vida eu tenho vontade de descrever como eu a enxergo e tudo que ela me ensinou na marra. Eu não quero acordar para uma vida como a minha, é tão simples.
As pessoas não entendem que é difícil demais viver uma vida com a sombra da depressão e seus outros transtornos. Tem momentos em que é difícil respirar, se mexer e até mesmo pensar – porque dói. E dói muito, dói em todas as partes do corpo.  

E é uma dor sobre a qual não temos controle, assim como uma dor de cabeça ou uma dor de estômago. Só que essa é muito mais persistente e geralmente não é tratada com a seriedade que devia ser tratada. Eu quero melhorar, sabe. Eu não quero ficar no fundo do poço nem viver o resto dos meus dias tirando forças de onde nem sei só pra tomar um banho, comer um prato de comida ou até mesmo sair de casa. Eu não quero conviver com essa doença pra sempre, mas no momento eu preciso de um pouco de compreensão. 

Um pouco de carinho e de atenção também seriam bem vindos. Quando eu me sinto vulnerável, eu só preciso de um abraço. Quando eu me estresso, só quero alguém pra ouvir minhas preocupações. Quando ninguém me ouve, eu só queria um mega fone pra poder desabafar. Quando eu me sinto mal, eu só preciso de um ombro amigo. E não tô pedindo nada demais, porque eu quero o respeito a minha atual condição. Eu preciso de um pouco de paciência, por tempo indeterminado, pelo menos enquanto eu exercito a minha.
Médicos, terapias, espiritualidade… tudo isso pouco adianta se as pessoas ao redor não entenderem que o que aparenta frescura é dor, é exaurimento de forças, é sofrimento.

Reprodução autorizada pela autora. Para mais artigos da autora visite Te escrevi- Ju Umbelino.
Texto retirado daqui

Copyright © 2015 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo